Tag: Consulta FGTS

Consulta do FGTS 2019

Neste artigo nós apresentamos todas as opções para fazer a consulta FGTS 2019; saiba como conferir os valores pela internet, pelo CPF e também usando o Cartão Cidadão

A Consulta FGTS 2019 é bastante fácil e prática. Existem quatros modos para se verificar o saldo do FGTS que são pelo celular, por um telefone fixo, Internet e na agência da Caixa. Neste artigo, você descobre como fazer isso.


Como Consultar FGTS 2019 online?

Na Internet o banco da Caixa coloca à disposição de beneficiados pelo FGTS, uma página para que se verifique o saldo independente de pessoa ter sido desligada da empresa pagadora ou ainda estar trabalhando.

Para poder realizar a consulta siga as seguintes etapas:

  1. Acesse o site: https://servicossociais.caixa.gov.br/internet.do?segmento=CIDADAO01&produto=FGTS
  2. Depois, preencha o campo do número do NIS, você pode localizar esse número na carteira do PIS/PASEP ou no cartão cidadão.

Se for seu primeiro emprego e você não tiver conhecimento disso, terá que se dirigir a uma agência da Caixa Econômica Federal para verificar.

  1. Após digitar o NIS, você tem que colocar a senha da Internet, mas se você não cadastrou antes pode fazer na mesma hora, desde que tenha a senha do cartão cidadão.

Ao clicar no botão Cadastrar Senha, uma nova aba é aberta solicitando primeiro a senha do cartão cidadão para depois registrar a senha da Internet. Embora pareça estranho inserir senha do cartão cidadão é a forma que o banco oferece para o registro.

  1. Preenchida senha só é necessário clicar no quadro em que está escrito “Não sou um robô” para validar a segurança do acesso.

Como fazer consultas pelo FGTS Fácil

Todo trabalhador registrado em carteira conhece e sabe a importância do FGTS. Por isso muitos buscam acompanhar seus direitos através de dispositivos móveis como smartphones. Uma das opções que vem ganhando destaque é o chamado FGTS Fácil, um aplicativo para celular que ajudaria na consulta.

O FGTS Fácil, na verdade, é um aplicativo não oficial desenvolvido por terceiros e disponibilizado no Google Playstore, Apple Store e Windows Store. Ele não é desenvolvido ou gerenciado pela Caixa Econômica, que controla o FGTS e outros direitos trabalhistas. A empresa desenvolvedora chama-se Outfall Inc., especialista em apps para facilitar a vida do usuário.

Mesmo ajudando na consulta do extrato do benefício ele não é a melhor opção.

Apesar de existir o FGTS Fácil, o ideal é trabalhar sempre com o aplicativo oficial da Caixa, criado exatamente para ajudar o trabalhador que deseja consultar seu extrato sem precisar ir a uma agência. Assim o trabalhador garante que suas informações estão corretas e seguras.

Nesse artigo aprenderemos mais detalhes para conseguir usar o aplicativo oficial do FGTS. Isso inclui como cadastrar a senha, atualizar dados cadastrais e consultar o extrato. Continue lendo para conseguir tirar todas suas dúvidas sobre como fazer consultas pelo FGTS Fácil.


Baixando o aplicativo oficial do FGTS

Como mencionamos anteriormente, o FGTS Fácil não é um aplicativo oficial da Caixa Econômica. Por lidar com informações importantes do trabalhador o mais correto é sempre baixar o aplicativo oficial. Para conseguir isso é possível conferir mais informações diretamente no consultar o extrato.…

Como consultar os extratos antigos do FGTS

O Fundo de Garantia por Tempo de Serviço, ou simplesmente FGTS, é um benefício assegurado aos trabalhadores que atuam com carteira assinada. Recentemente o governo liberou para saque o valor encontrado nas contas inativas, como uma maneira de movimentar a economia do país, que continua em recessão, porém, uma das principais dúvidas dos trabalhadores é sobre como consultar os extratos antigos do FGTS.

A maneira mais prática de realizar essa consulta é através da nova ferramenta disponibilizada pela Caixa Econômica Federal, responsável por gerenciar as contas do FGTS.

Através dela é possível consultar extratos de até 25 anos atrás, vale ressaltar que antes do lançamento dessa ferramenta só era possível acessar os últimos seis registros do sistema.

Passo a passo para realizar a consulta

Como consultar os extratos antigos do FGTS

Para consultar os extratos antigos do FGTS é muito simples, podendo ser feito diretamente de casa ou do escritório, de maneira prática, rápida e descomplicada. Você só precisa de um computador, smartphone ou tablet conectado à internet e seguir os seguintes passos:

1. Acessar o site da caixa http://www.caixa.gov.br ou diretamente do portal do Fundo de Garantia no http://www.fgts.gov.br.

2. Pelo site da Caixa basta clicar na guia “Você”, e em seguida na opção “Serviços Sociais”; depois disso, clique em “FGTS” e “Extrato FGTS”.

3. Preencher o número do PIS/Pasep na página apresentada e também informar a senha de acesso. No caso do primeiro acesso é preciso fazer o cadastro dessa senha. Para isso, é obrigatório informar o PIS e clicar em “Termo de Cadastramento”.…

Como receber o FGTS

Confira as regras da Caixa e veja o como receber o FGTS


O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é um direito de todo trabalhador que exerce suas atividades sob as normas da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT), tendo ele carteira assinada ou não.

Profissionais do segmento rural, autônomos e contratados por tempo determinado também podem receber o fundo. Se você se enquadra nessas condições e quer receber o seu benefício, confira agora como funcionam as regras do FGTS.

regras-fgts

1. Quando o FGTS pode ser sacado

São diversas as situações em que o FGTS pode ser sacado. Entre as principais estão:

  • Demissão sem justa causa;
  • Aposentadoria;
  • Para a compra da casa própria;
  • Quando a conta do FGTS fica sem depósitos por três anos seguidos;
  • Término do contrato por prazo determinado;
  • Ausência de atividade remunerada por 90 dias ou mais;
  • Rescisão do contrato de trabalho temporário;
  • Rescisão do contrato por extinção total ou parcial da empresa;
  • Rescisão do contrato por força maior ou culpa recíproca;
  • Rescisão do contrato por falecimento do dono da empresa com posterior fechamento da empresa;
  • Quando o trabalhador atinge idade igual ou superior a 70 anos;
  • Doenças graves que podem acometer o trabalhador ou seus familiares, ou casos em que o empregado encontra-se em estágio terminal provocado por qualquer doença;
  • Quando o trabalhador encontra-se em momento de urgência, como inundações em sua residência ou em situações de calamidade pública reconhecidas pelo Governo Federal;
  • Falecimento do trabalhador.

2. FGTS Inativo

As contas inativas do FGTS são aquelas que não recebem depósito por mais de três anos consecutivos.…

Confira 5 dicas para entender como funciona o FGTS

O Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) consiste em um direito trabalhista criado para proteger o trabalhador de possíveis eventualidades que podem levá-lo a perder sua função. Para ajudar você a entender melhor como funciona o processo de recolhimento e repasse do fundo, preparamos uma lista com 5 dicas para entender o FGTS. Nesse artigo você fica sabendo todos os detalhes sobre quem tem direito a receber o benefício, como reivindicar seu pagamento e em quais ocasiões ele pode ser solicitado.

fgts-como-funciona

1. Processo de recolhimento do FGTS

Para aqueles que trabalham sobre a égide da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), o valor depositado no fundo corresponde a 8% do salário recebido. Esse depósito é realizado pelo empregador em uma conta específica para isso.

O processo de recolhimento do fundo e o repasse para o trabalhador é regido pela Lei nº 8.036 de 1990, onde pode-se encontrar todos os detalhes relativos ao Fundo de Garantia por Tempo de Serviço.

2. Quem pode pedir

Não são apenas os trabalhadores com carteira assinada que têm direito ao fundo. Trabalhadores rurais, autônomos e contratados temporariamente também recebem o FGTS.

3. Quando é possível retirar o FGTS

De acordo com a Lei nº 8.036/90 art. 20, são diversas as ocasiões em que o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) pode ser retirado. Entre as principais estão:

  • Demissões sem justa causa;
  • Término de contrato temporário;
  • Falência/extinção da empresa;
  • Aposentadoria;
  • Amortização de dívidas imobiliárias;

Não obstante, existem ainda outras situações previstas na referida lei em que é possível solicitar a retirada do fundo, como, por exemplo:

  • Rescisão de contrato por força maior ou falta recíproca: quando o empregado porta-se de maneira inadequada e o superior responde a altura ou vice-versa;
  • Necessidade pessoal urgente e grave: no caso de desastres ou catástrofes naturais como enchentes e inundações reconhecidas pelo governo federal;
  • Em casos de doença para tratamento médico: para pacientes portadores de HIV ou câncer, por exemplo, é possível sacar o Fundo de Garantia por tempo de Serviço (FGTS).