Saque de contas inativas do FGTS pode ter restrições

No final de 2016, o governo divulgou que vai liberar o saque do FGTS para contas inativas. Poderão sacar o benefício todos os trabalhadores que não receberam nenhum depósito do Fundo de Garantia desde dezembro de 2015. Para saber se você tem direito a receber, clique aqui.


A estratégia adotada pela União tem o objetivo de injetar mais de R$ 30 bilhões para movimentar a economia, uma vez que os trabalhadores devem utilizar o dinheiro para quitar dívidas ou fazer compras.

Possíveis restrições de saque

No entanto, em uma recente análise dos dados referentes ao FGTS, o governo concluiu que aproximadamente 2% das contas inativas concentram um grande volume de recursos, ou seja, há bastante dinheiro acumulado em poucas contas.

Essa avaliação teria levado ao estudo de alternativas para poder limitar o saque. De acordo com empresários ouvidos pela Folha, uma das ideias cogitaria restringir a liberação da verba para contas com saldo muito alto. Contudo, o governo não confirma essa informação.

Motivos da restrição

Por que a possibilidade de restringir os saques estaria sendo considerada? Porque o governo acredita que as pessoas sacariam os altos valores apenas destinar o dinheiro para outros investimentos mais lucrativos.

Em outras palavras, o trabalhador usaria o recurso do FGTS para “gerar mais dinheiro”, em vez de utilizar o montante para consumo. Desta forma, o objetivo inicial de movimentar a economia perderia o seu propósito.

Conflitos com o setor imobiliário

As empresas do setor imobiliário sempre foram cautelosas quanto à proposta de liberar o FGTS para os trabalhadores. Esta restrição está relacionada ao fato de o dinheiro do Fundo de Garantia ser utilizado para financiar as unidades.

Com o recurso sendo liberado para as contas inativas, os representantes das construtoras acreditam que o FGTS perderá força para custear empréstimos voltados à aquisição da casa própria.

Apontando medidas para limitar os saques, o governo poderia manter uma espécie de “reserva de segurança” nos cofres do FGTS e, ao mesmo tempo, manteria aquecida a relação com os empresários da construção.

O setor busca acordos com a União para gerar novos empreendimentos, e o uso do Fundo de Garantia para estimular a compra de imóveis seria um item primordial.

Quando o FGTS de contas inativas será liberado

O calendário de saque das contas inativas ainda não definido, no entanto, o governo deve elaborar um cronograma a partir da data de aniversário do trabalhador. A programação deve ser divulgada até o início de 2017.

Você acabou de conferir informações sobre o Fundo de Garantia de contas inativas. Se elas foram úteis para você, compartilhe com seus amigos no Facebook ou clique no botão “Curtir”. E caso você tenha alguma dúvida, escreva a sua pergunta na seção de comentários.

* Com informações da Folha

Sobre o site

Caixa FGTS

O Caixa FGTS é um site não-oficial e não possui qualquer vínculo com o Caixa Econômica Federal. A página tem como objetivo informar e esclarecer dúvidas sobre o Fundo de Garantia.

31 thoughts on “Saque de contas inativas do FGTS pode ter restrições”

  1. Eu Tenho 2054,00 reais na conta inativa por ser um valor auto será que consigo receber ? ou serão limitados valores mais autos que esse para a não liberação do saque ?

  2. A empresa que eu trabalho mudou o nome por razão social,eu tirei o extrato tenho duas contas uma conta diz que fui afastado em 30/09/2012 eu vou poder sacar ou não

  3. Pedi demissao em marco/2015 , tenho saldo na conta fgts , porem consta que Para esse CPF não foram encontradas contas inativas habilitadas para saque pela MP 763/16. Informe seu NIS/PIS/PASEP.

    se consta valor na conta. porem a situação esta como ativa. Como se esta ativa se faz quase 2 anos sem movimentação na mesma..

  4. A empresa que eu trabalhei decretou falência só me pagou 5 meses dos dois anos que trabalhei eu consigo retirar sem o cartao cidadao , ou eu posso sacar com o cartão poupança da caixa?

  5. Tenho uma dívida com a caixa de um empréstimo consignado, que, há algum tempo, parou de ser descontado e que não tive condições de continuar pagando….Agora, que meu FGTS inativo será depositado em minha conta poupança, há possibilidade de que a caixa debite o valor devido dessa quantia?
    Obrigada.

  6. A empresa que meu marido trabalha mudou a razao sicial e nao mandou ninguem embora porem mostra que ele tem duas contas de fgts na mesma empresa uma esta sem deposito a sete anos e a outra ativa. Fizemos a consulta pelo site da caixa mas nao contas como inativa mas esta sem deposito a sete anos ele pode sacar a empresa pode ajuda-lo atraves de algum documento que comprove que esta sem deposito a mais de sete anos desde ja aguardo resposta.

    1. Katia, a empresa pode emitir algum documento, mas é preciso saber se a Caixa irá aceitar. Vá a uma agência para obter uma orientação especializada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *