Calendário PIS 2019

Confira todas as datas do calendário PIS 2019 e veja quando você poderá receber o pagamento

Tem dúvidas sobre como funciona a tabela PIS? Ainda não sabe ao certo o que isso significa? Então continue acompanhando este artigo até o final para descobrir. Afinal, essa não é apenas uma dúvida sua, muito pelo contrário.

É comum que as pessoas não saibam ao certo quem pode receber esse benefício, por exemplo, ou como funciona o calendário de pagamento.

Para começar, o PIS, também conhecido como Programa de Integração Social, é um benefício que milhares de pessoas no Brasil recebem todos os anos.


Pode-se dizer que ele é considerado um dos benefícios de distribuição de renda mais antigos. Muitas pessoas o conhecem também como abono salarial. Portanto, são vários nomes que dizem respeito ao PIS.

Criado durante o Regime Militar, mais especificamente em 1970, o principal objetivo do PIS foi incentivar a formalização do trabalho no país.

É válido ressaltar que é vedado o pagamento do PIS para aqueles trabalhadores que ganham mais de dois salários mínimos por mês ou ainda que não sejam cadastrados no benefício há pelo menos 5 anos.

Ou seja, existem algumas regras importantes por trás do PIS, pago por meio da Caixa Econômica Federal.

Quer saber mais sobre o PIS e como ele funciona? Então continue a leitura.


Como funciona o pagamento do PIS

Antes de qualquer coisa é importante lembrar que, como existe uma demanda muito grande em relação ao PIS, a Caixa, junto com o Governo Federal, começou a fazer um calendário para o pagamento desse benefício todo o ano.

Esse calendário leva em consideração a data de nascimento do trabalhador. Ao longo do artigo você entenderá melhor como funciona esse pagamento.

O calendário em questão foi criado com o intuito de atender todos os trabalhadores de maneira mais rápida. Afinal, são muitas pessoas que recebem esse benefício.

Entretanto, antes de se aprofundar nessa questão do pagamento, é de suma importância entender quem tem o direito de receber esse benefício de forma mais detalhada. Vamos lá?

Calendário PIS 2019


Quem pode receber o PIS

Como já mencionado anteriormente, não são todos os trabalhadores que possuem o direito de receber o PIS, certo? Dessa forma, veja a seguir quem pode ser contemplado com o abono salarial:

  • Trabalhadores que se cadastraram no programa há, pelo menos, 5 anos;
  • Trabalhadores que trabalharam, no mínimo, por 30 dias durante o ano de apuração;
  • Trabalhadores que têm registro em carteira;
  • Trabalhadores que recebem, no máximo, até 2 salários mínimos todo mês;
  • Trabalhadores que têm todos os seus dados entregues da forma correta para o Ministério do Trabalho através da Relação Anual de Informações Sociais (RAIS).

É muito importante que os requisitos sejam cumpridos para que o trabalhador realmente possa receber o PIS.


Como receber o PIS?

Agora que você já sabe quem pode receber o PIS, nada melhor do que entender como receber esse benefício, não é mesmo?

Em primeiro lugar, é importante lembrar novamente que é por meio da Caixa Econômica Federal que o pagamento do PIS é feito. As datas para pagamento começam a valer a partir de julho e tudo depende da data de nascimento do trabalhador.

Além da Caixa, também é possível receber em estabelecimentos credenciados como, por exemplo, casas lotéricas que sejam conveniadas e postos de atendimento Caixa Aqui.

Sendo assim, para fazer o saque do benefício basta ir até um desses lugares com um documento de identificação com foto, o cartão cidadão ou a carteira de trabalho.

Quem possui conta corrente na Caixa pode receber o valor direto na conta, se preferir.


Como fazer a consulta do PIS?

Felizmente, é possível consultar o saldo do PIS de diversas formas diferentes. Confira abaixo quais são essas maneiras:

Consulta PIS pelo telefone

Tanto o saldo quanto a data de pagamento do benefício podem ser consultados através do número: 0800 726 0207. Essa ligação é gratuita e pode ser realizada das 08h às 22h de segunda à sexta-feira e das 10h às 16h aos sábados.

Consulta PIS pela internet

Caso prefira, também é possível consultar essas informações de maneira online. Para isso, acesse o site da Caixa.

Feito isso, informe os dados solicitados e selecione a opção “ok”. Fazendo apenas isso já dá para acessar a página de consulta do PIS. Muito prático, não é mesmo?

Consulta PIS pelo caixa eletrônico

Além dessas duas opções, você também pode usar o caixa eletrônico da Caixa para consultar o saldo do PIS. Para isso, tenha em mãos seu cartão cidadão e não se esqueça da senha.

Calendário de pagamento PIS 2019

Por fim, chegou a hora de finalmente conferir o calendário de pagamento PIS 2019 atualizado. Como já mencionado, geralmente os primeiros pagamentos acontecem em julho e os últimos em março do próximo ano.

Calendário PIS 2019

Não se esqueça de que a data de saque é o limite. Ou seja, se você não sacar perderá o benefício, uma vez que ele não é acumulativo.

Sendo assim, fique bastante atento e não se esqueça de sacar o PIS até 28/06/2019 caso ainda não tenha feito isso.

Lembre-se de que também antes é necessário ver se você já pode fazer esse saque, levando em conta sua data de nascimento, certo?


Não perca as datas de saque do PIS

Dessa forma, o PIS pode realmente ajudar algumas pessoas, afinal é uma renda a mais, não é mesmo? O que realmente não dá para fazer é perder esse benefício. Portanto, fique sempre atento às datas e não deixe de fazer o saque até a data limite.

 

Sobre o autor

Caixa FGTS

O Caixa FGTS é um site não-oficial e não possui qualquer vínculo com o Caixa Econômica Federal. A página tem como objetivo informar e esclarecer dúvidas sobre o Fundo de Garantia.

One thought on “Calendário PIS 2019”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *